Newsletter sem Código #8: reflexões sobre links gringos

Falhei nessa edição. Não trouxe conteúdo em português. Por isso, essa edição será mais comentada. Vou explicar mais a fundo os links em inglês para eles servirem apenas como respaldo ou para quem quiser ir a fundo mesmo. Volto na semana que vem com conteúdo em português, nem que seja mais antigo.

Blocos, blocos, blocos

Primeiro, devo uma explicação a quem acompanha o canal: não teve vídeo tutorial nessa segunda-feira. Por causa de trabalho acumulado em junho, fui atrasando mais e mais os vídeos e achei melhor atrasar logo uma semana. Na semana que vem, começo a apresentar plugins de blocos, porque o momento deles chegou tanto no canal quanto no mundo WordPress. A partir do próximo release (lançamento) grande, o WordPress 5.5, vamos poder buscar por quaisquer blocos direto do editor. Se busco por um tipo de bloco e encontro um que ainda não tenha instalado, tenho a opção de instalar na hora, sem nem precisar sair da página ou artigo. Isso significa que vamos além das coleções ou suítes de blocos, que vou começar a apresentar na semana que vem. No último fim de semana, foi anunciado oficialmente que desenvolvedores de plugins poderão enviar plugins de um bloco só para o repositório. Ou seja, em vez de instalar um plugin de slider que você chama por shortcode, você instala o plugin do bloco slider e vê o bloco no editor. A grande pergunta é: será que não está perto demais do lançamento para os desenvolvedores conseguirem lançar algo? Veremos em agosto.

Breaking news

Ok, é uma notícia de três dias atrás. O WordCamp Europa 2021 será online, como foi o de 2020. Essa edição seria em Porto (Portugal), como seria a desse ano, mas não colocaram Porto como o destino de 2022. Será em Malta, um pequeno arquipélago no Mar Mediterrâneo. Muita gente ficou triste, mas como eu aproveitei muito a edição desse ano (se lembra da live com minhas palestras preferidas?), não vou mentir… gostei da ideia de assistir à próxima também, porque se não fosse online eu não teria condições. Também achei as justificativas justas: não estamos no momento de reunir muita gente de locais diferentes, e tudo está muito incerto. Imagina se precisam cancelar de novo? É injusto com os organizadores que vão perder horas de trabalho, além de todo mundo que gastaria dinheiro suado para comprar uma viagem e cancelar.

Stories em sites WordPress

Agora, uma notícia para quem gosta dos stories, o formato de conteúdo vertical rapidinho que começou no Snapchat e foi copiado pelo Facebook para o Instagram, WhatsApp e o próprio Face. Já ouviu falar de AMP, as Accelerated mobile Pages? É um recurso criado pela Google para servir versões mais simples e leves de páginas. A empresa disponibilizou o código aberto, e quem usar o recurso pode ganhar destaque no carrossel de notícias da primeira página, além de ranquear melhor nas buscas. Ainda teremos conteúdo específico sobre esse recurso, mas enquanto isso você pode dar uma olhada nos vídeos que o Fellpyh Cintra já fez.

Mas o que isso tem a ver com stories? É que o Google lançou a própria versão dos stories, que também carregam como AMP. Ou seja, em vez de um texto simples, você divide seu conteúdo em páginas ou slides verticais com fotos ou vídeo (legendado) e texto para contar a história. Ainda estão desenvolvendo o plugin oficial para criar Google Stories [notícia e tutorial em inglês], ou seja, ele não está no repositório WordPress. Mas quem tiver coragem pode baixar a versão beta no GitHub e se aventurar! Se você fizer isso, me conte como foi depois.

Temas gratuitos para blogs

Por fim, uma lista gigante atualizada de 64 temas gratuitos para blogs pelo WP Beginner porque… ah, por que não? Mas, sério. Acredito que, embora os page builders sejam mais úteis para sites institucionais, blogs devem usar e abusar do Gutenberg. Só que isso significa que a aparência do tema, assim como os recursos oferecidos, importam muito mais. Entre os 10 primeiros, há algumas “celebridades” no mundo WordPress: Astra, que acabou de passar de um milhão de instalações ativas, OceanWP, Hestia, Neve, Sydney. Mas quem tem um blog como hobby pode passar um bom tempo escolhendo a nova carinha do seu xodó.

Próximos meetups WordPress no Brasil

A comunidade WordPress de Blumenau fará seu 12º meetup, “Um Gutenberg para chamar de seu”, na quarta-feira, 22/07, às 19h. Daqui a pouco o Guto já faz dois anos, o que significa que já há bastante história, mas ainda há muito pela frente. A verdade é que sempre haverá o que dizer sobre ele.

E, como já falei na semana passada, a comunidade de Curitiba receberá Livia Gabos para falar sobre “Acessibilidade em templates no WordPress” no dia 23/07, às 19h. É uma palestra mais avançada:“dicas para facilitar a modificação de um template para a garantir acessibilidade de verdade para as pessoas que precisam”. Compartilhe com os devs e as devas que conhecer!

404 error

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.