WordPress.com ou WordPress.org? Qual é a diferença?

Você chegou até o nono artigo do blog “WordPress sem Código” sem ouvir falar de WordPress. Agora, vai ouvir falar de dois, porque WordPress.com e WordPress.org são coisas diferentes.

Na verdade, é o mesmo, mas com duas caras. O WordPress é um CMS, Content Management System, ou Sistema de Gerenciamento de Conteúdo. Ele foi criado no começo dos anos 2000 para fazer blogs, em concorrência com outros CMS que já existiam. Os CMS revolucionaram a internet, porque não é mais necessário mexer página por página no código quando o dono quiser (ou precisar) fazer alguma alteração, como mudar a cor do fundo da página. Não dá para fazer conteúdo diariamente, ou semanalmente, refém dessas limitações.

E, para você, isso significa que alguém programou um sistema para você mexer e só precisar colocar seu conteúdo, sem precisar mexer em código. Só o WordPress é de código aberto – ou em inglês, open source – ou seja, é criado coletivamente e é de graça!

História do WordPress

“Ué, mas no artigo sobre servidor e domínio ela falou que não existe almoço de graça”. O que acontece: no começo da internet, desenvolveram, sim, a plataforma de publicação que é o WordPress, e até hoje tem gente do mundo todo trabalhando para melhorar – tanto que já passou da versão 5.0, e olha que eles são daqueles que atualizam o tempo todo com direito a vários pontinhos, tipo versão 4.8.2.

Em 2005, um grupo de desenvolvedores do WordPress fez uma empresa, chamada Automattic (que acaba de comprar o Tumblr) e criou o WordPress.com, que é um serviço de hospedagem. No site, eles se definem como “uma versão hospedada do software open source”. Ou seja, você pode criar um blog ou um site de graça e ter o “seunome.wordpress.com”, ou você pode pagar para eles e ter o endereço do seu site. 

Para ter um site em WordPress precisa se inscrever no WordPress.com? Não. Você pode instalar a plataforma WordPress em qualquer hospedagem (ou servidor, como você preferir chamar). Muitos serviços de hospedagem já têm instaladores automáticos que fazem isso por você, mas você também pode baixar os arquivos da plataforma, colocar no seu servidor e fazer a instalação do programa.

Funcionamento básico do WordPress

Hoje, mais de um terço dos sites do mundo são feitos com WordPress, porque ele é fácil de usar e tem muito recurso. O que acontece quando você usa a plataforma WordPress: você faz login e abre um painel, onde você pode acessar os plugins. São programas que fazem funções específicas no seu site. Quando você instalou o WordPress, é como se tivesse instalado o Windows no seu computador. Agora, você precisa instalar os programas específicos, como o Excel, Word, e por aí vai. Você também pode personalizar a aparência dele, mexendo no tema. Os temas são os layouts pré-montados em que você encaixa seu site. Tem vídeo específico para plugins e temas, mais para a frente.

Como o WordPress foi criado para blogs, originalmente, o conteúdo é separado em páginas e posts. Criar uma página e criar um post têm processos parecidos, que você vai ver aqui no WordPress sem Código. A diferença principal entre os dois é a maneira como eles ficam armazenados no seu servidor. Quem quer fazer um site sem uma seção blog nem precisa se preocupar com os posts, pode só criar páginas.

Se você gostou desse artigo, já sabe. Pode compartilhar ou assistir ao vídeo correspondente no nosso canal do YouTube:

WordPress.com ou WordPress.org? Qual é a diferença? | WordPress sem Código 1.9

1 comentário em “WordPress.com ou WordPress.org? Qual é a diferença?”

  1. Pingback: Como e por que participar da comunidade WordPress – WordPress sem Código

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.